Intercâmbio e Cursos para Estudar e Trabalhar na Espanha

Vistos para a Espanha

Se você está indo para estudar, e seu curso ultrapassar os 90 dias, um visto de estudante será necessário. Mas se seu curso for inferior a 90 dias, fique tranquilo que você não precisará de visto.

A Espanha é um país riquíssimo, quer seja culturalmente ou em qualidade de vida. Não é à toa que é o segundo país mais procurado por nós brasileiros quando o assunto é morar na Europa. Um dos motivos é a proximidade da língua, assim como a cultura latina. Ainda que nossa relação seja próxima com o país, é necessário ter atenção a alguns passos burocráticos antes de ir, como por exemplo, o visto de estudante. Esse, necessário para a permanência mais prolongada que 90 dias.

Tipos de Visto para Estudar na Espanha

Falamos, mais uma vez, que se o seu período de estadia na Europa for menor que 90 dias, você não precisará de visto de entrada, desde que sua motivação seja turismo, negócios ou estudos. Nesse caso, pode ficar despreocupado. Se você está indo para estudar, e seu curso ultrapassar os 90 dias, um visto de estudante será necessário.

Visto de Estudante para a Espanha

Fazer um curso de espanhol ou qualquer outro curso na Espanha pode ser um belo diferencial num currículo. Mas, para poder ficar no país e estudar, você terá de fazer a solicitação de um visto de estudante no Consulado Geral da Espanha. Existem alguns no Brasil, portanto, escolha o mais próximo de si e agende sua visita.

A entrada de pedido do visto tem de ser feita pelo menos 30 dias da data prevista para a viagem, ok?

Para solicitar o visto, você precisará:

  • Preencher formulário de solicitação de visto;
  • Passaporte e cópia da folha de dados e fotocópia das folhas que tenham sido utilizadas;
  • 2 fotos 3×4, coloridas e com fundo branco;
  • Documento de admissão na instituição de ensino;
  • Estar matriculado em um curso com carga horária mínima de 20 horas semanais, em uma instituição autorizada na Espanha;
  • Comprovante de residência;
  • Apresentar provas documentais que atestem que o solicitante dispõe de meios financeiros suficientes para toda a sua estadia na Espanha (Imposto de Renda, Extrato bancário dos 3 últimos meses e 3 contracheques);
  • Não ter restrições de entrada no bloco econômico da União Europeia (como por exemplo, ter vivido ilegalmente num país do bloco);
  • Dispor de Seguro Médico;
  • Ter atestado médico comprovando não sofrer de enfermidade que possam causar repercussão de saúde pública;
  • Certificado de Antecedentes Criminais;
  • Autorização dos pais, caso menor de idade;
  • Pagar a taxa consular.

Além de solicitar o visto de estudante é necessário se atentar à mais dois documentos: NIE e TIE.

O que é NIE?

Caso a estadia tenha duração superior a três meses, o estudante deverá solicitar o NIE – Número de Identificação de Estrangeiro.

NIE é um número pessoal que serve para identificar cada estrangeiro que está vivendo de maneira legal na Espanha, seja por estudo ou trabalho. É um documento equivalente ao nosso RG.

O que é TIE?

Caso a estadia tenha duração superior a seis meses, o estrangeiro deverá solicitar a TIE – Tarjeta de Identificação de Estrangeiros, dentro do prazo mínimo de um mês após a sua entrada efetiva na Espanha.

TIE é um cartão de identificação composto por seus dados pessoais (nome, endereço, data de nascimento, nacionalidade, sexo), o tempo de validade para residir no país, a qualificação do seu visto (se te permite trabalhar ou não) e o número de identificação (NIE).

Validade do Passaporte

Seu passaporte deve ter validade mínima de 6 meses a partir da data do seu embarque para a Espanha. Isso é um requisito para o visto de estudante. Recomendamos que seu passaporte tenha validade maior ainda que 6 meses caso você queira realizar outra viagem a outro país, dessa forma, não terá surpresas em sua viagem. Veja como tirar seu passaporte aqui.

Passaporte Europeu

Caso você possua a cidadania de algum país membro da União Europeia você não precisa de visto para estudar na Espanha! Afinal de contas, você é um cidadão europeu!

Só lembre-se de conferir se seu passaporte vermelho está válido, ok?

E o visto de trabalho?

Nesse caso, vai depender muito. Os vistos de trabalho que costumam tramitar com maior frequência são específicos.

  1. Vistos de trabalhadores altamente qualificados;
  2. Familiares de solicitantes de vistos ou residentes na Espanha;
  3. Investigadores, científicos ou técnicos;
  4. Estrangeiros que aderiram ao Programa de Retorno Voluntário;
  5. Entre outros.

Se você tem um visto de estudante e deseja trabalhar na Espanha, saiba que isso é possível. É necessário estar matriculado num curso com duração superior a 6 meses e seu trabalho não pode superar 20h/semana.

Abra uma franquia S7 na sua cidade

+20 Anos No Mercado
Líder no Google Entre Agências
+40,000Leads por Ano
12 WebsitesEspecializados

Seja um Advisor de Educação Internacional

CONHEÇA A S7 DIGITAL

Trabalhe remotamente de onde quiser!

20 Anos